Imprimir

Institucional | Avaliação Institucional

CPA - Apresentação


A Comissão Própria de Avaliação (CPA) do Instituto Superior de Filosofia Berthier (IFIBE) criada pela Resolução do Conselho Diretor nº 13, de 07 de março de 2005, atendendo às determinações do SINAES/CONAES nos termos da LEI Nº 10.861, DE 14 DE ABRIL DE 2004 que Institui o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES) que tem como objetivo assegurar o processo nacional de avaliação das Instituições de Educação Superior (IES) dos cursos de graduação e de desempenho dos estudantes.

A Resolução do Conselho Diretor Nº 014/2005 dispõe sobre o Regulamento da Comissão Própria de Avaliação (CPA) estabelece suas atribuições, composição, mandato, funcionamento e demais aspectos para que possa cumprir com o objetivo estabelecido no artigo 1º do ato de sua criação, qual seja, “coordenar os processos de avaliação internos à Instituição, de sistematização de informações e de prestação das informações solicitadas pelo Sistema de Ensino sobre o assunto, gozando de autonomia em sua atuação em relação aos órgãos colegiados da instituição”.

A CPA/IFIBE é composta por membros representantes de todos os segmentos da comunidade acadêmica e da sociedade civil organizada, na seguinte proporção: Dois representantes do corpo docente da instituição; Dois representantes do corpo discente da instituição devidamente matriculados em um de seus cursos; Um representante do corpo técnico-administrativo permanente da instituição; Um representante de organização da sociedade civil com a qual a instituição mantenha convênio ou desenvolva atividades em cooperação.

As dez dimensões estabelecidas no SINAES, artigo 3º da lei nº 10.861 de abril de 2004 e amplamente detalhada no Roteiro de Auto-Avaliação Institucional, comportará para a CPA/IFIBE um encadeamento de ações que garantam a unidade no processo integrando as dez dimensões, a saber:

I. Missão e PDI;
II. Ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão;
III. Responsabilidade social;
IV. Comunicação com a sociedade;
V. Política de pessoal dos servidores;
VI. Organização e gestão da IES;
VII. Infraestrutura física;
VIII. Planejamento e avaliação;
IX. Políticas de atendimento a estudantes egressos; e,
X. Sustentabilidade financeira.

São elaborados instrumentos/formulários como recursos técnicos e apropriados de avaliação próprios para registro de vivências, de atuações e de impressões para a manifestação individual e coletiva nas diversas dimensões e o aferimento empírico dos indicadores, que haverão de oportunizar a captura das práticas de maneira tal a subsidiar de forma permanente os processos de avaliação. Os instrumentos de avaliação depois de aplicados terão seus dados tabulados e resultarão em relatórios estatísticos que servirão de subsídios para o relatório analítico e interpretativo que a CPA deve produzir através do relatório final de avaliação interna e encaminhar ao INEP/MEC.

Todos os relatórios e demais documentos de caráter público da CPA estão disponíveis na Secretaria Geral do IFIBE e na CPA/IFIBE.


Newsletter